Construção civil retoma contratações e tem salários de até R$ 40 mil

Atualizado: 14 de Out de 2019

Levantamento exclusivo da Michael Page mostra um aumento de 300% nas contratações na área. Em 2010, indústria da construção civil ofereceu salários mais agressivos para executivos.

Construção civil: a empresa parece investir em profissionais que trarão novos negócios e investimentos.

São Paulo – Após período fraco, o setor de construção civil começa a dar sinais de crescimento. No PIB do 2º trimestre, a área mostrou um crescimento de 2% em relação ao mesmo período de 2018, segundo dados do IBGE.

Foi o primeiro resultado positivo após 20 quedas consecutivas. E o número também se reflete nas contratações.

Segundo levantamento da Michael Page, a procura por certos profissionais da área aumentou 300% nos nove primeiros meses deste ano ante o mesmo período anterior.

Renato Trindade, gerente executivo da divisão de operações de Propriedade e Construção da Michael Page e Page Personnel, explica que o número elevado é decorrente da baixa movimentação nos anos anteriores, mas ainda mostra uma retomada e um potencial grande de contratações para o próximo ano. “O aquecimento está ligado a expectativa de mercado, principalmente com a baixa de juros e o cenário econômico mais favorável. O investimento na construção civil também teve uma retomada forte nos Estados Unidos, o que faz com que os investidores olhem para outros mercados e no momento o mercado brasileiro tem atratividade maior”, fala ele.

Fonte: Exame

Autora: Luiza Granato

59 visualizações

Conheça nossos cursos profissionalizates